SEGUNDO DIA DO III CICLO DE PALESTRAS REÚNE GRANDES NOMES DAS ÁREAS JURÍDICA E TRIBUTÁRIA

A abertura do segundo dia do III Ciclo de Palestras “Tributação e Contabilidade: Ética e Sustentabilidade”, nesta quarta-feira (23 de setembro), apresentou uma grande variedade de temas, tratados por importantes nomes das áreas jurídica e tributária, como o juiz Mantovanni  Colares Cavalcante, os advogados Cristiano Rosa de Carvalho e Elias Mattar Assad e a professora Gisele Alves Silvente.

Quem abriu os trabalhos foi o mestre e doutor em Direito Tributária pela PUC de São Paulo e pós-doutor em Direito e Economia Cristiano Rosa de Carvalho, que proferiu a conferência “Teoria dos Jogos – Decisão Tributária”. Nela o palestrante explicou aos participantes como analisar o fenômeno tributário pela ótica da estratégia.  “Pensar estrategicamente a tributação”, definiu.

Em seguida, um painel reuniu os demais palestrantes sob a presidência de mesa do presidente da Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (FENAFISCO), Manoel Isidro dos Santos Neto. A primeira palestra tratou do tema “Ética e Serviço Público”, desenvolvido pelo juiz de Direito, mestre em Direito Público pelas UFC e professor de pós-graduação Instituto Brasileiro de Estudos Tributários Mantovanni Colares Cavalcante. Em seguida, o advogado e ex-presidente da Associação Brasileira de Advogados Criminais Elias Mattar Assad falou sobre Crimes Contra a Ordem Tributária.

Já a mestre em Ciências Financeiras e Contábeis pela PUC São Paulo e especialista em controladoria e finanças pela UFMT Gisele Alves Silvente abordou os Recursos Administrativos Tributários. A professora, diferentemente dos colegas de mesa, que fizeram abordagens mais teóricas e conceituais, tratou de questões técnicas e práticas voltadas ao dia a dia dos profissionais contábeis e fiscais de tributos.

Para o presidente da FENAFISCO, Manoel Isidro Neto, foi uma manhã bastante proveitosa do ponto de vista da variedade de assuntos tratados, de interesse de ambos os profissionais. “Acho que foi acertado o SINDIFISCO fazer este terceiro ciclo com o CRCMT. É muito importante, principalmente pelo nível das palestras, que atualizam  e qualificam nossa atuação como fiscal e da mesma forma qualifica ainda mais os contadores para que possam atuar melhor na área tributária. Os profissionais de contabilidade nos ajudam no nosso trabalho, porque o nosso primeiro contato quando vamos fiscalizar uma empresa é o contador”, lembrou.

O evento, que termina nesta quarta-feira (23), é uma realização do Sindicato dos Fiscais de Tributos de Mato Grosso (SINDIFISCO) em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade de Mato Grosso (CRCMT), em alusão ao Dia do Fiscal de Tributos (21 de setembro) e Dia do Contador (22 de setembro).

Fonte: Sindi Fisco MT